Ensaios microbiológicos

Qualidade microbiológica e caracterização de bioactividade de matérias-primas e formulações

A Labfit dispõe de uma microbioteca de estirpes de microrganismos de coleção (ATCC®) e isolados de amostras clínicas, com diferentes perfis de suscetibilidade aos antibióticos, permitindo a sua utilização na determinação de bioatividade dos compostos ou formulações dos nossos clientes.

Qualidade microbiológica: normas ISO e Farmacopeia Europeia

- Contagem de bactérias
- Contagem de fungos-leveduras
- Determinação de aeróbios totais
- Pesquisa de patogéneos específicos: E. coli, S. aureus, P. aeruginosa, C. albicans, Salmonella, bacilos Gram negativos, coliformes totais, Enterobacteriaceae
- Pesquisa de patogéneos não específicos e identificação por provas bioquímicas e PCR
- Ensaio de esterilidade
- Atividade antimicrobiana
- Atividade anti-biofilm
- Biologia molecular (Estudos microbioma, analise dados de microbiota , estudos com bioestatística)

Challenge test- Teste de desafio de conservantes (normas ISO e Farmacopeia Europeia)

Bioburden – Estimativa da população microbiana no produto ( ISO 11737-1)

Caraterização de probióticos

- Caracterização molecular da estirpe
- Pesquisa e caracterização de mecanismos de ação
- Avaliação de potência (atividade metabólica)
- Perfil de sensibilidade a antibióticos
- LactoProbiotest – avaliação da viabilidade das estirpes probióticas in vitro e ex vivo
- Estudo e adaptação de misturas prebióticas para o desenvolvimento de produto
- Caracterização e desenvolvimento da formulação final

Estudos biomoleculares

- Caracterização e optimização de estirpes probióticas e/ou similares.
- Identificação molecular (com base na sequenciação completa do gene 16S rRNA e/ ou genoma).
- Tipagem molecular de estirpes bacterianas pelas técnicas de RAPD (Random amplification of polymorphic DNA), PFGE (Pulsed-field Gel Electrophoresis) e MLST (Multi-Locus Sequence Typing).
- Genómica comparativa de estirpes bacterianas.
- Identificação de mecanismos probióticos (capacidade de adesão, agregação, auto-agregação, produção de ácido láctico, peróxido de hidrogénio, bacteriocinas, outros).
- Análise do comportamento de estirpes em simulantes de fluídos biológicos.
Identificação, isolamento e caracterização de bacteriocinas produzidas por bactérias ácido lácticas e/ou outros.
- Sequenciação completa de genomas bacterianos (Whole genome sequencing - WGS).
- Análise metagenómica de amostras biológicas.